Extremadura – Espanha

Por Maria Cristina Horst, em Maio de 2013

Embora essa não seja uma viagem recente, fiz em maio de 2013, não poderia deixar de compartilhar essa experiência, que considero um dos passeios mais deliciosos para quem gosta de viajar de carro e apreciar a gastronomia local.

EXTREMADURA

A Extremadura fica localizada entre Madri e a fronteira com Portugal e preserva um clima provinciano que outros centros turísticos perderam há tempos. Não há multidões aglomeradas em frente aos cartões-postais, pode-se passear com tranquilidade pelas ruas, apreciando a belíssima arquitetura da região, bem como apreciar a deliciosa culinária.

É na Extremadura onde são produzidos alguns dos melhores presuntos da Península Ibérica, devido à grande extensão de pastagens. Os porcos, longos, finos e com  pernas musculosas caminham quilômetros todos os dias em busca de Bellotas, o alimento que junto ao pasto, dá à carne um gosto, textura e aroma únicos.

Começamos nosso passeio a partir de Madrid, onde alugamos um carro no Aeroporto de Barajas. Madrid como sempre estava muito limpa, policiada e florida. Demos uma parada no El Jardin, do Hotel Ritz, para um lanche e então, seguimos com destino a Trujillo.

2013-05-13-1046

No caminho, passamos por Talavera de la Reina, famosa pelas porcelanas.

Trujillo

Chegamos no final da tarde, estacionamos o carro e saímos passear pelas ruelas da cidade. Acabamos jantando na Praça Maior, encantados com o entardecer, mas confesso que me arrependo de não ter ido ao Parador de Trujillo, cujo restaurante era muito bem conceituado.

jantar-em-trujillo

Trujillo tem muito a ensinar sobre a conquista da América espanhola. É onde nasceu Francisco Pizarro, cuja estátua e palácio se situam na Praça Maior. Nas imediações fica a casa de Francisco Orellana (Descobridor do Amazonas), cuja família mantinha laços de parentesco com a de Pizarro.

A Praça Maior é o coração de Trujillo. Repleta de história e edifícios admiráveis, destaca-se a estátua do grande colonizador Francisco Pizarro.

2016-11-21

dsc02542

Seguindo, ruelas acima, passando pela Porta de San Juan, chegamos a Alcazaba, uma construção militar de origens árabes que data aos século IX e XII. É a construção mais antiga e esta posicionada no ponto mais alto da cidade. Daqui tem-se um vasto panorama de Trujillo.

2013-05-14-1071
Vista de Trujillo do Alcazaba

Cáceres-

De Trujillo seguimos para Cáceres. São 45 km, numa estrada com muitas oliveiras, árvores de bellotas e alguns parreirais.

Monumental é a palavra normalmente usada para descrever Cáceres, capital da província do mesmo nome e segunda maior cidade da Extremadura. Não sem motivo. A cidade tem um dos centros antigos mais bem preservados do país e, quem sabe, do continente. Por trás de uma muralha erguida primeiro pelos romanos, fortificada pelos árabes e ampliada pelos cristãos, fortalezas, casarões, palácios e igrejas vêm os séculos passarem sem perder a imponência de seus melhores dias. Por isso é considerada, desde 1968, um Conjunto Monumental Europeu, e desde 1986, Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

dsc02578
Igreja de San Francisco Javier
dsc02568
Praça de las Veletas
dsc02582
Praça de Santa Maria

Depois de perder-se pelas ruelas do casco antigo, resolvemos nos perder pelas estradinhas da região. Tem muitas vilas para explorar, muita comida para provar. De Casar de Cáceres, pudemos  provar o delicioso queijo Torta de Casar, feito com leite de ovelha e que come-se não em fatias, mas sim, passando sobre um pedaço de pão .

Foto retirada do site: http://www.quesosdelcasar.com

De  Almoharín, os bombons de figo.

https://i0.wp.com/www.bombondehigo.com/_/img/foto-pase_r05.jpg
Foto retirada do site: http://www.bombondehigo.com
miRabitos Royale ® 00
Foto retirada do site: http://www.bombondehigo.com

De Montánchez, o maravilhoso presunto ibérico. Compramos  na Casa Bautista, Casa Bautista, mas passeando pela cidade, encontramos varias casas produtoras do presunto.

No site abaixo, tem vários links para os produtores da região, bem como conta um pouco da história da região, cidade e do presunto:

Jamones de Extremadura

https://i2.wp.com/jamones-de-extremadura.es/wp-content/uploads/2015/09/jamon-iberico-puro-de-bellota-dehesa-de-extremadura-191x300.jpg
Foto retirada do site: http://www.jamones-de-extremadura.es

Para completar o festival gastronômico, jantamos no Restaurante Atrio, em Cáceres, bem pertinho do Parador. Duas estrelas Michelin e que, posso afirmar com toda a certeza, foi a melhor refeição da minha vida. Escolhemos um vinho da região e o menu degustação.

dsc02629

Mérida

Fundada por Otávio Augusto em 25 a.C., para acolher os veteranos das campanhas no norte da Espanha, Mérida foi capital da antiga Lusitânia e não perdeu sua importância nos períodos sucessivos, sejam visigodos, reis católicos, até chegar aos dias de hoje. Em 1983, foi nomeada capital da Comunidade Autônoma da Extremadura e torna-se seu principal centro administrativo. Acrescenta-se a uma enorme herança que fez de Mérida uma referência cultural no mundo. Além do grande sítio arqueológico romano, um dos mais importantes no Mediterrâneo, é Patrimônio da Humanidade desde 1993.

Começamos o passeio pelo Anfiteatro, que foi inaugurado no século VIII a.C. e que era destinado a lutas e corridas e na seqüencia, o Teatro Romano, belíssimo!

2013-05-15-1082
Anfiteatro Romano

2013-05-15-1088

2013-05-15-1086
Teatro Romano de Mérida

Logo depois, visitamos o incrível Museu Nacional de Arte Romana. Uma linda construção moderna, obra do prestigiado arquiteto Rafael Moneo, que foi feita sobre os achados arqueológicos.Foi inaugurado em 1986. Seu interior conserva peças da civilização romana que viveu na cidade . Na parte inferior podemos ver as escavações arqueológicas.

Museu Nacional de Arte Romana – Mérida

Museo Nacional de Arte Romano de Mérida
Foto retirada do site http://www.spain.info

Caminhando pelas ruelas da cidade pudemos apreciar belíssimas construções como o Arco de Trajano, a Ponte del Guadiana, o Alcazaba e o Templo de Diana.

2013-05-15-1101
Arco de Trajano
2013-05-15-1112
Templo de Diana
wp_20161120_20_55_43_pro
Ponte Romana

COMO CHEGAR:

A melhor forma de explorar a região é de carro. Até Trujillo, são aproximadamente 270 Km da capital, e a estrada logo depois que sai dos arredores de Madrid, fica bem tranquila. Praticamente todo o trajeto é duplicado, com exceção dos passeios feitos ao redor de cada uma das cidades.

Estacionar o carro também não foi problema, apenas em Trujillo, reparei na dificuldade para quem não esta hospedado nos Hotéis. Cáceres vi estacionamentos próximos ao casco e velho e Mérida tem estacionamento bem perto do Teatro Romano. Nos pueblos da região, geralmente próximo as atrações tem vagas para carros.

ONDE FICAR:

Trujillo

Ficamos hospedados, eu e Luiz Ernesto, no Hotel NH Palácio Santa Marta, uma bela construção restaurada e transformada em Hotel. Com o estacionamento e café da manhã, pagamos 100 euros a diária. NH Palácio Santa Marta

2013-05-13-1060

Cáceres

Ficamos hospedados no Parador de Cáceres, dentro do casco antigo, o que para nós, que gostamos de bater pernas e perder-se pelas ruelas foi ótimo. A circulação de carros é limitada aos moradores e hóspedes do local. Pagamos 120 euros a diária. Parador de Cáceres

2013-05-14-1075

Mérida

Não nos hospedamos lá, mas o Parador de Mérida é muito aconchegante, e próximo as principais atrações. Parador de Mérida

ONDE COMER:

Cáceres

Restaurante Atrio – escolhemos um vinho da região e o menu degustação. Na época (maio de 2013) o menu degustação custava 125 euros por pessoa. Restaurante Atrio

QUANTO TEMPO:

O ideal acredito ser 1 noite em Trujillo, 2  noites em Cáceres e 2 noites em Mérida, para poder descobrir os pueblos ao redor dessas cidades.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s